Tudo o que você precisa saber para morar em Petrópolis

/
11 Comments

Desde que publiquei o Texto 25 coisas que EU descobri quando vim morar em Petrópolis (que fez muito sucesso e foi plagiado à exaustão no facebook) recebo muitas mensagens de pessoas que querem morar em Petrópolis e gostariam de dicas sobre a cidade.

Bom, eu aqui sou uma estranha no ninho e não conheço à fundo a cidade, que é maior do que parece ser. Porém mesmo não tendo um conhecimento profundo sobre a cidade conheço algumas pessoas que sabem tudo e elas me ajudaram a fazer este texto.

Então se você acabou de chegar em Petrópolis ou pretende vir morar aqui em breve, leia este texto, eu tentei reunir as informações mais importantes e espero que seja de grande ajuda para você!

Petrópolis: O Guia Definitivo

1º - Começando do Básico: 
Entendendo onde fica Petrópolis


Se você quer vir morar em Petrópolis tem que, pelo menos, saber onde fica.

Localização

Petrópolis localiza-se no topo da Serra da Estrela, pertencente ao conjunto montanhoso da Serra dos Órgãos. Situa-se a 68 km do Rio de Janeiro (a capital do Estado). A cidade de Petrópolis está situada na Região Serrana Fluminense, sendo a maior cidade e também a mais populosa.

Além da localização você também precisa saber as cidades próximas a Petrópolis para aumentar sua área de atuação, tanto social, quanto profissional. Caso você não encontre o emprego desejado em Petrópolis é preciso olhar além e enxergar as cidades que ficam no entorno. Petrópolis não é como as capitais onde tem tudo e você não precisa sair da cidade com frequência, dependendo da situação é necessário ir às cidades das regiões próximas. Então se você pretende apenas morar em Petrópolis e trabalhar em cidades no entorno, essas informações são importantes.

Microrregiões do Estado do Rio:
Conhecendo as Cidades do Entorno de Petrópolis


I - Região Serrana Fluminense: Onde está Petrópolis. A Região Serrana Fluminense é uma das microrregiões do estado do Rio de Janeiro e é oficialmente dividida em três municípios: 

1 - São José do Vale do Rio Preto
2 – Petrópolis
3 - Teresópolis.

Regiões Limítrofes:
Cidades próximas à Petrópolis

As microrregiões limítrofes à Região Serrana Fluminense, onde fica Petrópolis, são:

II - Nova Friburgo: Apesar de muitos considerarem Nova Friburgo como pertencente à Região Serrana Fluminense, esta trata-se também de uma microrregião do Estado do Rio, sendo dividida em 4 municípios: 

1 - Bom Jardim
2 - Duas Barras
3 - Nova Friburgo
4 - Sumidouro

III - Três Rios: é dividida em 5 municípios:

1 - Areal
2 - Comendador Levy Gasparian
3 - Paraíba do Sul
4 - Sapucaia
5 - Três Rios

IV – Vassouras: é dividida em 6 municípios:

1 - Engenheiro Paulo de Frontin
2 - Mendes
3 - Miguel Pereira
4 - Paracambi
5 - Paty do Alferes
6 - Vassouras

V - Macacu-Caceribu: é dividida em 2 municípios:

1 - Cachoeiras de Macacu
2 - Rio Bonito

VI - Rio de Janeiro: Muita gente mora em Petrópolis e trabalha no Rio de Janeiro, que é maior e tem mais oportunidades de trabalho além de alguns tipos de trabalhos que não existem em Petrópolis por questões de demanda.

Quem é de outro estado e até de outro país pensa que Rio de Janeiro é apenas o nome da cidade maravilhosa (onde tem o pão de açúcar, o Cristo Redentor e etc), mas além de dar nome à uma das cidades mais lindas do país Rio de Janeiro também é o nome do Estado e de uma de suas microrregiões, também é chamada de Grande Rio. É dividida em 16 municípios:

1 - Belford Roxo
2 - Duque de Caxias
3 - Guapimirim
4 - Itaboraí
5 - Japeri
6 - Magé
7 - Maricá
8 - Mesquita
9 - Nilópolis
10 - Niterói
11 - Nova Iguaçu
12 - Queimados
13 - Rio de Janeiro
14 - São Gonçalo
15 - São João de Meriti
16 - Tanguá

Agora que você já sabe em qual região fica Petrópolis e as regiões próximas, vamos ao mapa:

PARA AMPLIAR A IMAGEM BASTA CLICAR NELA.
Petrópolis está na Região Serrana (pintada de verde), as regiões em amarelo, são as que fazem divisa com a Região serrana, já as regiões em vermelho são as mais distantes que não fazem divisa com a Região.

Agora vamos aproximar o mapa para que você veja as cidades mais próximas de Petrópolis e onde você tem que concentrar a sua área de atuação:

PARA AMPLIAR A IMAGEM BASTA CLICAR NELA.
Imagem: mapasparacolorir.com.br
Petrópolis está em verde, em amarelo estão as cidades vizinhas, onde a distância não é tão grande para ter negócios, trabalhar ou procurar serviços, nas cidades mais próximas dá pra ir e voltar no mesmo dia sem stress, as cidades fora desta marcação são bem mais distantes e bem difíceis para ir e voltar no mesmo dia.

As principais cidades com mais mercado e mais desenvolvidas nas quais muitas pessoas que moram em Petrópolis tem serviços e negócios são o Rio de Janeiro (apesar de ser um pouco mais distante é a capital do Estado), Duque de Caxias, Teresópolis, Nova Friburgo, Três Rios.

As outras cidades em amarelo também tem um considerável fluxo de pessoas com Petrópolis, mas bem diversificado, entre os que vem para Petrópolis e os que saem de Petrópolis.

2º Escolhendo um local para morar:
Entendendo a geografia de Petrópolis 


A maioria das pessoas que me pedem dicas sobre Petrópolis me pergunta quais são os melhores bairros para morar, para isso é necessário entender a Geografia de Petrópolis e como ela se divide, pois cada área do município é melhor dependendo da atividade que você quer exercer e das pretensões que você tem.

Petrópolis está dividida em 5 distritos (é, tipo Jogos Vorazes mesmo) que se subdividem em bairros menores. Estes distritos se subdividem em bairros e/ou localidades urbanas e rurais. Os distritos de Petrópolis são: 

1º Distrito – Petrópolis: Centro Histórico, Valparaíso - Bingen - Quarteirão Ingelhein - Quitandinha - Morin - Alto Da Serra - Alto Independência - Castelânea - Siméria - Retiro - Mosela - São Sebastião - Vila Manzini - Moinho Preto - Duarte Da Silveira - Fazenda Inglesa - Rocio - Bataillard - João Xavier - 24 De Maio - Duas Pontes - Ponte Fones. 

2º Distrito - Cascatinha: Araras, Vale das Videiras, Bonsucesso, Carangola, Vila Manzini, Castelo São Manoel, Corrêas, Bairro da Glória, Itamarati, Estrada da Saudade, Nogueira, Samambaia, Jardim Salvador, Roseiral, Alcobacinha, e Humberto Rovigatti. 

3º Distrito - Itaipava: Madame Machado, Mangalarga, Vila Rica, Jardim Americano, Vale do Cuiabá, Benfica, Laginha, Gentio, Catubira, Ribeirão, Castelo, Reta, Sumidouro, Santa Mônica, Arranha- Céu, Parque Santa Maria, Parque dos Eucaliptos, Estrada das Arcas e centro de Itaipava 

4º Distrito - Pedro do Rio: Fagundes, Barra Mansa, Secretário, Retiro das Pedras, Alto Pegado, Vila Rica, Taquaril e Pedro do Rio. 

5º Distrito - Posse: Brejal, Rio Bonito, Tremedeira, Granjas Raposo, Nossa Senhora de Fátima, Jacuba entre outros. 

Melhores Locais para morar 

Antes de analisar os melhores locais para morar tem um alerta extremamente importante que preciso fazer, sobre o MOFO. Petrópolis é uma cidade muito úmida pois chove quase o tempo todo, por isso é muito comum que os imóveis tenham mofo e que os proprietários escondam isso na hora de alugar ou vender. Por isso é preciso prestar muita atenção, ás vezes a localização, o preço e as condições estejam bons demais para serem verdade, quando for assim, desconfiem do Mofo.

O problema do mofo se encontra nos bairros onde chove mais e é mais úmido como centro e Quitandinha, já nos bairros de Cascatinha, Corrêas Nogueira e Itaipava não tem tanto problema com o mofo, pois lá o clima é mais quente.

Pra saber como identificar mofo em um imóvel, no Wiki How tem um passo-a-passo muito bom AQUI.

Assim, eu vou utilizar 4 critérios: 

  • Localização
  • Preço
  • Segurança
  • Clima

1º Critério - Localização 


Petrópolis por ser menor do que as capitais, como o Rio de Janeiro, não tem todas as facilidades em todos os bairros, cada bairro não tem o seu “próprio centro” com banco, lojas, escolas e transporte fáceis, em algumas regiões os bairros maiores abrangem as conveniências para os bairros menores. 

O centro de Petrópolis concentra os principais órgãos públicos da cidade, bem como grande parte dos pontos turísticos, além de uma variedade imensa de lojas e serviços. Então na minha humilde opinião quanto mais próximo do centro você morar mais fácil será a sua vida se você não conhece a cidade.

Os bairros do 1º distrito (Petrópolis) são os mais bem localizados, os bairros do 2º  e 3º distritos (Cascatinha e Itaipava) também são bem localizados, apesar de serem um pouco mais afastados. Apesar de Itaipava ser um dos lugares mais conhecidos de Petrópolis (sendo até considerado por alguns como uma cidade independente) é relativamente distante do centro, mas nada que torne a vida na cidade inviável.

Mesmo analisando os bairros mais bem localizados outro aspecto que necessita da máxima atenção é: o acesso ao imóvel. Petrópolis é uma região montanhosa, é serra, então o que para o pessoal do Rio é "morro" em Petrópolis pode ser um bairro comum, muitos imóveis ótimos tem a desvantagem de ter acesso por escadas, isso é muito comum por aqui, imóveis que ficam em lugares muito altos que tem seus acessos por escadas enormes: com 100 degraus ou até mais.

Em relação à localização os melhores bairros no que diz respeito à comércio, transporte e locomoção (não estou citando preços, que está em um tópico mais abaixo) são os bairros Centro, Mosela, Quitandinha, Correas, Bingen, Quarteirão Ingelhein, Valparaíso e Itaipava (que apesar de não ser tão próximo ao centro tem todas as facilidades).

Ps: O Bairro Quarteirão Ingelhein (1º Distrito) é muito bem localizado e bem tranquilo, o porém é que tem propriedades muito caras, mansões e casas de alto padrão, se você for da High Society, lá é a sua pedida.

2º Critério - Preços


O mercado imobiliário de Petrópolis anda bem caro, aqui existem imóveis que ultrapassam 1 milhão de reais. Porém, no geral, os locais mais baratos são os bairros dos distritos que mais se afastam do centro, ou seja, os últimos bairros do 1º distrito, seguidos pelos bairros mais afastados, os do 2º, 3º 4º e 5º distritos.

No entanto se você vem de fora e pretende morar aqui, na minha opinião o 4º e 5º distritos são distantes demais e de acesso mais complicado, por isso o preço nem compensaria tanto. Na maioria das vezes para alugar um imóvel as imobiliárias pedem fiador, se você preferir depósito ou até seguro fiança terá que conversar e pesquisar mais um pouco. Para a compra vale negociar bastante, conversando bem é possível chegar à um preço bom, isso depende muito se será tratado com uma imobiliária ou com o proprietário.

No geral a Praça Catulo (localidade que fica na Castelânea perto das Duas Pontes), Praça Pasteur, Bingen e Castelânea são bairros com bons valores, também há o bairro Siméria, que é muito bonito.

Para saber mais sobre o custo de vida em Petrópolis Clique AQUI

3º Critério - Segurança


Petrópolis é uma cidade bem segura, é a mais segura do Estado do Rio e a 6ª mais segura do Brasil, porém como a violência anda extrema, aqui também existem crimes, em menor escala, é claro. Um problema que anda preocupando a cidade é o tráfico de drogas, tem muita gente usando drogas na cidade, aqui além do tráfico existem alguns traficantes. 

Normalmente os bairros menos seguros são os mais periféricos, onde há tráfico de drogas, a maioria dos crimes tem relação com o tráfico de drogas esse problema aqui é gritante tem muita gente, principalmente jovem se viciando.

No quesito segurança é preferível escolher os bairros do 1º distrito ou mais próximos, aqui não se tem o nível de perigo de assaltos como no Rio de Janeiro, por exemplo, com rara exceção de alguns bairros, no geral Petrópolis é relativamente segura.

4º Critério - Clima


Petrópolis é notadamente conhecida pela grande quantidade de chuvas e desastres naturais, um dos maiores desastres aconteceu em 1988 e o mais recente e divulgado aconteceu em 2011, envolvendo toda a região serrana.

Uma grande preocupação para quem pretende morar em Petrópolis e para quem já vive aqui é saber quais são as áreas de risco. Segundo dados do Plano Municipal de Risco a maioria das áreas de Risco estão na Zona Sul de Petrópolis. A zona Sul da cidade compreende basicamente os bairros: Valparaíso, Quitandinha, Duques, Taquara, Parque São Vicente, Coronel Veiga, Castelânea, Siméria, Duas Pontes, Ponte Fones, Quarteirão Suíço, Quarteirão Italiano, Independência, São Sebastião, Saldanha Marinho, Alto Independência, Mauá, entres outros, porém, nestes bairros também existem exceções, a questão é que na hora de pesquisar um imóvel é importante certificar-se que próximo à ele não existem encostas ou rios, para diminuir os riscos.

ESSA É UMA FOTO DA RUA CORONEL VEIGA DEPOIS DE UMA CHUVA

Particularmente a a Rua Coronel Veiga, próxima ao Centro é uma das localidades que mais sofre com enchentes na cidade, toda vez que chove essa rua fica alagada, então meu conselho é evitá-la.

Muita gente pensa que Petrópolis é uma cidade com clima predominantemente frio, mas não é bem assim, além do fato de nos últimos anos os invernos não serem mais tão frios, aqui existem bairros mais quentes, bem mais quentes do que outros.

Os bairros de clima mais frio são: Quitandinha, Bingem, Valparaiso, Independencia e outros próximos, já os bairros mais quentes ficam a partir de Cascatinha.

Mas Afinal quais são os melhores Bairros?




Fazendo uma equação entre a melhor localização e o melhor custo benefício, os Top 5 melhores bairros para morar na minha opinião são:

1 - Centro: sem sombra de dúvidas deve ser a 1ª opção para quem não conhece a cidade, mesmo com alguns valores mais elevados, a localização e as facilidades compensam tudo. Aqui existem muitos prédios, com apartamentos de tamanhos variados além de muitas quitinetes, que tem um custo menor. Além do mais no centro você encontra tudo, colégios, lojas, serviços, bancos, órgãos públicos, restaurantes além de ser facílimo para se locomover.

2 - Valparaíso: apesar de fazer parte da zona sul da cidade onde existem muitas áreas de risco, na questão das chuvas não sofre tanto com enchentes e deslizamentos. é bem próximo do centro e tem acesso fácil além de uma boa disponibilidade de serviços.

3 - Bingen: é onde fica a rodoviária da Cidade de onde partem os ônibus intermunicipais, o que é bastante cômodo para quem precisa constantemente sair da cidade, também tem uma boa disponibilidade de comércios e serviços além de ser bem acessível ao centro e ter preços um pouco mais em conta.

4 - Quitandinha: tem algumas áreas de risco, porém é um bairro bem tranquilo e que fica logo na entrada da cidade o que facilita bastante o acesso, também é relativamente próximo ao centro e também tem serviços e comércio com acesso fácil.

5 - Itaipava: Não é tão próximo ao centro, fica relativamente distante, porém é bem badalado, tem alguns centros comerciais, cinema, banco, parece até uma cidade à parte. Apesar de ter muita gente que defende e até considera que Itaipava é uma Cidade, ainda é oficialmente um bairro pertencente à Petrópolis. Para diversão Itaipava é um dos melhores lugares da cidade, lá tem muitas baladas, restaurantes e festas para quem gosta.

Neste Link tem mais detalhes sobre as vantagens e desvantagens dos melhores bairros para morar em Petrópolis.


Ranking Alternativo

(Feito pela minha Melhor Amiga, Petropolitana)


- Praça catulo: é uma localidade na Castelânia, perto das duas pontes, não é caro, é um bairro íntimo, os vizinhos se ajudam e são simpáticos. As casas são lindinhas. É perto do quitandinha, do centro e do bingen.

- Valparaíso: é meio caro.

- Paulino Afonso (Rua): é perto da rodoviária, tem muito comércio e fica perto do Centro da cidade sem ser tão movimentado.

- Quitandinha:
é legal, porém pega enchente pra ir ao centro, pela Coronel Veiga. O bairro é frio, super valorizado, o aluguel é mais caro.

Saiba mais sobre como alugar um apartamento em Petrópolis AQUI.

3º Como se locomover na cidade:
O transporte em Petrópolis



O transporte público em Petrópolis é bem polêmico, em algumas linhas os ônibus são velhos e estão sujos, no geral não é nada diferente da média de péssimo transporte público das cidades brasileiras.

A cidade conta com 6 empresas que fazem o transporte dentro do município: TURB - Transportes Urbanos S/A, Petro Ita, Cidade Real, Cidade das hortências, V. Cascatinha e Transpal, você encontra todas as informações sobre esses empresas e, ainda sobre as linhas AQUI.

Petrópolis também tem Terminais Rodoviários, que fazem integração com os distritos, são eles: Terminal Centro, Terminal Itamarati, Terminal Itaipava, Terminal Bingen e Terminal Corrêas, para mais informações sobre os terminais clique AQUI.

Para quem vem e quem vai da cidade, as empresas que fazem o transporte intermunicipal são: Única, Fácil, Itapemirim Penha, Paraibuna, Rio Doce, Viação Progresso, Viação Salutaris, Viação Sertaneja, Viação Teresópolis, para saber o intinerário que estas empresas fazem clique AQUI.

Petrópolis tem uma grande frota de táxis, para saber todos os pontos de Táxi da cidade, que são muitos, basta clicar AQUI. Até onde eu sei aqui não tem Uber, pelo menos eu nunca vi.

Se você pretende dirigir aqui saiba que lugar para estacionar além de ser caro é bem difícil, principalmente no centro histórico. A maioria dos apartamentos não tem garagem e muitas casas tem garagens apertadas. Aqui também existem muitas ruas que são tão estreitas que só passa 1 carro de cada vez e ainda existem ruas tão inclinadas que é possível questionar seriamente as leis da física.

4º Procurando oportunidades em Petrópolis: 
Mercado de trabalho e Educação


Não é segredo para ninguém que o Brasil está em crise, porém a crise em Petrópolis chegou mais cedo, muitos dizem que aqui virou uma cidade dormitório e que a maioria prefere sair e trabalhar em outras cidades e só voltar para dormir. Porém mesmo com as dificuldades que a crise financeira e política trouxeram para a cidade ainda existem oportunidades de trabalho, bem como de estudo.

Instituições de Ensino


Petrópolis tem alguns dos melhores colégios do Estado e que, inclusive, tradicionalmente ficam nas primeiras posições no Ranking do ENEM, entre os mais conhecidos estão o Colégio Ipiranga e o Colégio São José (que agora foi comprado pela Rede PH), há também o Colégio Bom Jesus, também chegou recentemente à cidade o Colégio Pensi.

Quanto às universidades, as mais conhecidas são a UCP - Universidade Católica de Petrópolis, a Estácio de Sá e a FASE - Faculdade Arthur Sá Earp Neto, agora Petrópolis também inicia as atividades de campus da UERJ e UFRJ.

A lista completa das instituições de ensino particulares você pode conferir clicando AQUI

Mercado de Trabalho


Para quem quer morar na cidade, mas ainda não tem emprego por aqui, saiba que o mercado é muito restrito. Petrópolis é uma cidade que vive do turismo, então a grande maioria das vagas vem do setor de serviços, do comércio e da área de moda, por conta das vendas realizadas na Rua Teresa e Pólo do Bingen. Existem muitas vagas para trabalhar em lojas, supermercados, restaurantes e lanchonetes. Quem costura ou trabalha com outros cargos na área de moda, também pode encontrar uma oferta boa.

Já pessoas que procuram cargos mais específicos em escritórios, empresas de tecnologia ou em tarefas administrativas terão um pouco mais de dificuldade. Petrópolis tem sim vagas nestas áreas, porém são muito poucas e a grande maioria delas é preenchida com indicações ou por pessoas que já trabalham nestas empresas.
5º Comunicação na cidade:
Como funciona a Internet/Telefone em Petrópolis


A Internet e a Telefonia em Petrópolis não são um mar de rosas, pois como aqui chove muito, ficar sem Internet, Telefone e Tv a Cabo é relativamente comum.

Petrópolis conta com a cobertura de serviços das conhecidas empresas Sky, Oi e Claro, aqui na cidade também existem a Tech Cable que presta serviços de internet e tv a cabo e a Cumpuland que apenas fornece internet. A Net começou a ser implantada no ano passado e ainda não abrange todos os bairros.

O Sinal de celular aqui pode ser bem problemático dependendo do bairro, nos bairros mais montanhosos o sinal é mais difícil de pegar.

6º Como se divertir na Cidade: 
Serviços, entretenimento e diversão


Petrópolis é uma cidade do interior e não recebe tantos investimentos quanto deveria na parte de entretenimento, a cidade até conta com boas atrações e alguns lugares agradáveis, uma quantidade razoável de restaurantes, além de  lugares de alta classe que oferecem boa comida gourmet. Devido á sua herança histórica, Petrópolis possui uma boa quantidade de museus e lugares turísticos.

Alimentação


Petrópolis possui uma vasta quantidade de restaurantes a quilo, de restaurantes que oferecem pratos executivos e restaurantes mais sofisticados. Existem opções para todos os bolsos. Um preço médio de 100 gramas de comida em um restaurante a quilo no Centro da cidade é R$3,99. Mas também é possível encontrar valores mais baixos ou mais altos. Já os restaurantes que são localizados no distrito de Itaipava, tem o preço bem mais alto.

Já quando o assunto são compras no supermercado, Petrópolis tem preços mais altos se compararmos com a capital. Por várias vezes já fiz compras em atacado no Rio de Janeiro para aproveitar os preços praticados por lá.

Na cidade, a única grande rede instalada é o Extra. Existem hipermercados localizados em Correas, Alto da Serra e Itaipava. A unidade do Centro é a menor delas. Existem também supermercados menores como o Armazém do Grão, que praticam preços um pouco mais altos que o da grande rede.

As feiras livres também são uma ótima opção para comprar frutas, verduras e legumes. Para saber o dia e a localização das feiras, clique aqui.

Fonte: Site O Que Fazer em Petrópolis

Confira também uma lista feita pela Veja dos restaurantes de Petrópolis AQUI.

UPDATE (INFORMAÇÃO DO LEITOR): Além dos supermercados Extra, existe o Bramil com dois grandes mercados em Cascatinha e Itaipava.

Entretenimento


Petrópolis conta com uma boa quantidade de museus, teatros, cinemas e boates, além de belas paisagens e pontos turísticos bem famosos. A questão problemática para se divertir em Petrópolis é: mais do mesmo, aqui não existem shoppings, no máximo alguns centros de compras que se intitulam shoppings, mas que não chegam nem perto. Num primeiro momento as opções são até interessantes mas depois fica tudo bem repetitivo, não há muita novidade.

Para quem gosta de comer, beber e de boates isso aqui tem bastante, mas quem gosta de programas mais culturais e não gosta de ver sempre a mesma coisa vai se decepcionar um pouco com a falta de novidades.

Petrópolis tem alguns eventos anuais como a Bauern Fest, o Solstício do Som, além de alguns festivais culinários, esses eventos atraem muitos turistas, mas para quem já mora aqui há muito tempo além de serem eventos muito caros, não há muita coisa nova para fazer.

Há muitos anos não surge algo inovador na cidade, então se você é uma daquelas pessoas que não gosta de ficar parada e sempre quer experiências diferentes, sinto informar que as chances de você ficar entediado são bem grandes.

Mesmo assim, não chega a ser uma tragédia, tem algumas atividades por aqui, se divertir não é impossível, mas Petrópolis é um lugar mais calmo do que o Rio, por exemplo.

Você encontra uma lista completa  de boates, cinemas e teatros clicando AQUI.

Confira também uma lista completa de museus e pontos turísticos clicando AQUI.

UPDATE 1 (INFORMAÇÃO DO LEITOR - ANÔNIMO): "Para quem frequenta a noite, Itaipava oferece as casas noturnas mais movimentadas na sexta e sábado á noite."

UPDATE 2 (INFORMAÇÃO DO LEITOR - ARY): "No centro temos Roda Cultural do CDC que conta com a presença de vários artistas de rua semanalmente em suas rodas de rima e alguns festivais acontecem durante o ano com : shows , oficinas ,biblioteca , etc. Em vários pontos da cidade existem diversas trilhas e cachoeiras , cada uma com sua beleza , a grande maioria gratuita , sendo pagas apenas as do (parnaso) parque nacional da serra dos órgãos . E temos parque de exposições em Itaipava é local utilizado para pratica de esportes , e onde tb ocorrem alguns eventos e festivais de musica".
7º Mais informações sobre a Cidade de Petrópolis

·         Prefeitura Municipal de Petrópolis
·         Telefone: (021)
·         Site: http://www.petropolis.rj.gov.br
·         Email: gap@petropolis.rj.gov.br
·         Polícia
·         Endereço:Av. Barão do Rio Branco, s/n
·         Telefone: (24) 2242-2516 / 2242-2566
·         Bombeiros
·         Endereço: Avenida Barão do Rio Branco, 1959
·         Telefone: 193
·         Hospital
·         HMNSE - Hospital Municipal Dr. Nelson de Sá Earp
·         Endereço: Rua Paulino Afonso, 455 - Centro
·         Telefone: 24 2237-4062
·         Hospital Alcides Carneiro
·         Endereço: Rua Vigário Correa, 1345 - Corrêas
·         Tel: (24) 2221-2212
·         Centro de Saúde
·         Endereço: Rua Santos Dumont, 100- Centro
·         Telefone: (24) 2237-3616

Bom, acho que aqui está tudo o que vocês queriam saber para morar em Petrópolis, espero ter respondido a maioria das perguntas de vocês. Uma boa parte das informações deste texto me foram fornecidos por amigos e conhecidos de Petrópolis, mas também retirei grande parte das informações destes sites:









Gostaria de agradecer à todos que me auxiliaram com informações e dicas, também gostaria de agradecer à Fabiana Neves do Site O Que Fazer em Petrópolis, este é um projeto muito legal que reúne várias informações sobre Petrópolis, se você ainda tiver alguma dúvida sugiro acessar o site:


E se mesmo assim você ainda tiver dúvidas deixe nos comentários! Caso você seja Petropolitano e tenha mais informações e até correções ao texto também deixe nos comentários!

Confira outros textos meus sobre Petrópolis:





Espero que esse texto seja de grande ajuda para você que pretende vir morar em Petrópolis!


Postagens Relacionadas

11 comentários:

  1. Fiquei com mais vontade em ir para Petrópolis ao ler as informações sobre a cidade, pois meu objetivo é morar em Petrópolis. Agora chato é saber que o vício das drogas está em toda parte, pois sair do Rio é fugir um pouco disso também. Adorei o conteúdo e as informações como foram passadas. Muito bom mesmo e completo dentro do q eu precisava saber. Mais uma vez obrigada. Gosto muito do blog.

    ResponderExcluir
  2. Boas informações, acrescento que além dos supermercados Extra, existe o Bramil com dois grandes mercados em Cascatinha e Itaipava. E que pra quem frequenta a noite,Itaipava oferece as Casas noturnas mais movimentadas na sexta e sábado a noite.

    ResponderExcluir
  3. Gostei bastante bem instrutivo , mas em relação ao lazer entretenimento , ficou faltando algumas opções undergroud . No centro temos Roda Cultural do CDC que conta com a presença de vários artistas de rua semanalmente em suas rodas de rima e alguns festivais acontecem durante o ano com : shows , oficinas ,biblioteca , etc. Em vários pontos da cidade existem diversas trilhas e cachoeiras , cada uma com sua beleza , a grande maioria gratuita , sendo pagas apenas as do (parnaso) parque nacional da serra dos órgãos . E temos parque de exposições em Itaipava é local utilizado para pratica de esportes , e onde tb ocorrem alguns eventos e festivais de musica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa!
      Sem contar o Festival de inverno Bellarte e também o Sesc.
      O Bellarte deste ano foi ótimo.

      Excluir
  4. Carol, achei maravilhoso, bem informativo, vc é bem criativa.
    As informações que eu precisava estão quase todas no seu blog; senti falta de informações quanto a distância do bairro para o Centro de Petrópolis;tenho um filho pequeno que vou precisar levá-lo à escola todos os dias. Gostei da ideia de morar nos bairros mais quentes, antes de decidir preciso saber quantos km tem até ao Centro da cidade.
    Parabéns e muito sucesso pra você
    Outra coisa: Se houver alguém interessado em morar no Rio e quiser fazer uma troca de moradia provisória, estou disposta a conversar.
    A priori, não é trocar os imóveis, somente a troca de moradia.

    ResponderExcluir
  5. Excelente texto: organizado,objetivo, esclarecedor.

    ResponderExcluir
  6. Boa noite Carol, tudo bom?!

    Antes de mais nada, muito obrigada pelo seu post, estou indo morar em Petrópolis no ano que vem sem conhecer muito bem a cidade, me deparei com seu blog que me ajudou muito! Bom, a minha idéia é morar em uma casa, quero algo bem tranquilo e rodeado de natureza. Mas tenho um filho que estudará no centro histórico. Li aqui que o Rocio e a Fazenda Inglesa estão no distrito 1, sendo mais perto do centro, mas existe a BR que divide um lado do outro, né?! Então... queria saber de você o que acha de uma rotina diária de locomoção de um lado para o outro? Muito distante? Existe transporte publico que faça este trajeto? Perigoso pegar a BR todo dia? Porque as casas que mais me interesso estão em Araras, Rocio, Fazenda Inglesa, essas bandas...

    Vou ficar muito feliz com uma resposta!

    Parabéns pelo blog!!

    Beijos


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Beatriz, desculpe a intromissão hshs

      Fazenda Inglesa é um bairro bem bacana, porém extremamente residencial (sem comércio quase algum).
      Existe transporte publico sim, o ônibus 122 faz esse trajeto, o centro comercial mais próximo é o da Mosela, e este ônibus o cruza.
      Acredito que a viagem leve em torno de 20~30min de lá até o centro. (nos bons horários) *Sim, embora no 1º distrito fica afastado.
      Nos horarios de Rush só Jesus na causa na cidade toda.

      Perigoso pegar br?

      Na verdade você apenas atravessaria a Br, mas aqui há um porém importante.
      Pra sair da Fazenda Inglesa você tem duas opções; quebra pra direita e segue pela br até saída Bingen para o centro, ou apenas atravessa (literalmente) a pista de descida e sobe pelo Cocotá, atravessa novamente a pista, (dessa vez de subida) e entra pra Mosela. Este trecho (fazenda Inglesa - Mosela) passa numa zona critica, a subida até o Cocotá, há ali um trecho que é breu.

      No retorno é mais complicado, você tem apenas 2 opções, quer venha pelo Bingen, que venha pela Mosela, você impreterivelmente passará pelo Cocotá e esse trecho de breu, ou terá que dar a volta ao mundo e entrar para a BR de descida por Itaipava.

      Espero ter Ajudado.

      Excluir
  7. Ótimo conteúdo moça.
    As 25 coisas que descobriu são Quebras de paradigmas. Ótimo.

    Acrescentando...
    Minha família foi uma das 1ª famílias a se estabelecer no bairro Mosela, vivo aqui desde sempre. Fica muito próximo ao Centro, e normalmente vou à pé em 15/20minutos, há um supermercado de tamanha bacaninha pra o bairro (Tá no Gosto) e está inaugurando neste mês um Armazém do grão Gigaaante.

    Quanto a valores, pra quem busca quitinetes, em minha rua há dezenas deles numa faixa de 350-500, eu mesmo em breve estarei com um nesta faixa.

    Algumas ruas do bairro (na verdade os Bairros do 1º distrito são chamados quarteirão e não bairro, mas acostumaram-se com bairro) são mais baratas, mas no geral é essa faixa de valores.

    escrevo esse post ouvindo o barulho das árvores, som de grilos e Tom Jobim. Nada de carros.

    ResponderExcluir
  8. Oi Carol, muito bom esse post, obrigado pelas informações! Sou novo em Petrópolis e adorei as dicas!

    Só queria acrescentar uma informação a respeito das universidades públicas em Petrópolis. Além da UFF (que possui o curso de Eng Produção) e da UERJ (arquitetura), Petrópolis possui ainda o CEFET-RJ, com os cursos de licenciatura em Física, Eng Computação, Bacharel em Turismo, curso técnico Integrado ao médio de Telecomunicações e ainda diversos cursos de extensão e pós-graduação lato sensu em Matemática Computacional!

    ResponderExcluir
  9. Muito bom Carol.
    Pretendo mudar para Petropólis o quanto antes....
    Bjs
    Sandra

    ResponderExcluir

QUERIDO LEITOR, OS COMETÁRIOS DESTE BLOG SÃO MODERADOS.

Não gaste suas preciosas mãozinhas digitando um texto gigante com xingamentos e palavrões pois ele não será publicado.

Você pode até usar de um tom agressivo, dependendo de como esteja se sentindo, críticas são bem-vindas, mas por favor não use palavras de baixo calão.

Por isso comente sem morder, xingar ou ameaçar o coleguinha por favor!

BEIJOS DE LUZ!

Ass: CAROL

Ps: Para os que se sentirem extremamente ofendidos será dado direito de resposta.

Tecnologia do Blogger.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...